+55 (51) 3228-1661 Ouvidoria: 0800 6431661

Pansera: Corretor, chegou a hora do recadastramento


29/08/2017

Presidente do Sincor-RS alerta profissionais da corretagem

Fonte: Revista JRS
Quando a Superintendência de Seguros Privados, a Susep, decidiu não mais emitir a carteira de identificação profissional para os corretores de seguros habilitados, houve um descontentamento geral. Nós, do Sincor-RS, recebíamos inúmeras reclamações dos Corretores, diariamente, sobre isso. Ao invés de apresentarmos nossa carteira de identificação profissional, passamos a ter de acessar o site da Susep para mostrar aos clientes que somos profissionais devidamente registrados, o que ocasiona um trabalho insano.

Nosso Sincor-RS, com nossa Fenacor, trabalhou junto à Susep demonstrando que era o desejo do Profissional Corretor de Seguros ter sua identidade profissional. Sensibilizamos a autarquia. Esta decidiu que sim, que após um amplo recadastramento que iria apontar quem realmente estava regular e ativo, a identidade profissional seria disponibilizada.

Comemoramos quando a Susep anunciou definitivamente o retorno da nossa identidade – aquela com foto, que contém o brasão da república, nossa verdadeira identidade profissional e que tem validade como documento pessoal de identificação.

Todavia, a condição de retorno da carteira é que aconteça primeiro o recadastramento obrigatório de cada corretor. Tudo alinhado, tudo pronto e agora, o que acontece? O Ibracor, órgão que a autarquia Susep firmou convênio para realizar este trabalho, nos informa que a adesão do recadastramento é ainda muito baixa, insignificante. E isto é muito preocupante.
Afinal, aqueles que tanto bradavam pela volta da Identidade Profissional, se recadastraram?

Então, lanço meu pedido aos colegas corretores profissionais de seguros, pessoas físicas, para efetivarem logo o seu recadastramento. Não deixem para os últimos dias, quando certamente os sistemas estarão sobrecarregados e tranqueiras poderão inviabilizar o seu recadastramento. O prazo final já está próximo, é 30 de setembro. Importante ressaltar que aqueles que não se recadastrarem estarão sujeitos a penalizações pela Susep e até perder o seu registro profissional, ficando impedidos de exercer a atividade de corretor de seguros. Ainda, as empresas corretoras de seguros (pessoas jurídicas) cujos corretores responsáveis não tenham se recadastrado, estarão igualmente irregulares e sujeitas a penalizações pela SUSEP. Vejam que as penalidades poderão acarretar graves contratempos.

Portanto, colegas, quem ainda não se recadastrou, acesse agora mesmo o portal do Ibracor, efetive logo o seu recadastramento e não corra o risco de encontrar o sistema sobrecarregado.
Este processo é extremamente importante para a nossa categoria, pois, servirá para saber quem somos, quantos somos. É uma varredura muito bem vinda. Então, se você é corretor de seguros de verdade, legalize a sua situação o quanto antes.

O verdadeiro corretor profissional de seguros é aquele que se esforçou e alcançou a sua habilitação ao ser aprovado no Exame da Escola Nacional de Seguros. Também é aquele que atua com ética no mercado e trata com respeito os seus segurados. Leve em frente esta valorização. Recadastre-se. E apresente com orgulho sua Identidade Profissional.
Porque “Com Corretor de Seguros, é muito mais seguro”.
Ricardo Pansera, presidente do Sincor-RS.
logotipo zepol